Postagens

Mostrando postagens de Abril 26, 2010

Monteiro Lobato

Imagem
Por Pedro Fernandes Monteiro Lobato não é um autor apenas de publicações infanto-juvenis como, infelizmente o mercado editorial o reduziu. Como uma das figuras que mais apostaram no livro como aparelho de renovação cultural, intelectual e frente à ignorância, é bem verdade que ele explorou (e bem!) a base necessária para a formação de uma geração de leitores. E isso tem muita importância, certamente. Só me pergunto é se, na atual conjuntura, com tantos meios concorrentes com os livros de papel, como se portaria o escritor? É uma pergunta que vem de outra curiosidade futurista: como se comportaria Fernando Pessoa, um dos criadores da revista Orpheu , marca singular no modernismo em Portugal, nos dias de hoje. Enfim, não sabemos. Podemos supor que Lobato travasse uma luta no meio virtual, mas prevemos também que pudesse combatê-lo. Que os meios virtuais podem significar como instrumentos fundamentais à educação leitora, podem. Mas, o livro impresso ainda é o veículo  que me