Postagens

Mostrando postagens de Abril 28, 2010

Quatro livros para entrar no universo literário de José Eduardo Agualusa

Imagem
José Eduardo Agualusa. Foto: Jordi Buch Quem eu sou não ocupa muitas palavras: angolano em viagem, quase sem raça. Gosto do mar, de um céu em fogo ao fim da tarde. Nasci nas terras altas. Quero morrer em Benguela, como alternativa pode ser Olinda, no Nordeste do Brasil. Escrever me diverte, e escrevo também, porque quero saber como termina o poema, o conto ou o romance. E ainda porque a escrita transforma o mundo. Ninguém acredita nisto e no entanto é verdade. - José Eduardo Agualusa, entrevista a Denise Rozário (1999, p.362-363) De família brasileira e portuguesa, nascido em 1960, na cidade de Huambo, Angola, José Eduardo Agualusa adquiriu de suas referências culturais um amplo senso de pertencimento. O autor se define como afro-luso-brasileiro. Dividindo-se entre os três continentes, ele é jornalista e estudou Agronomia e Silvicultura em Lisboa. E imprime em sua obra o destaque à relação cultural entre os países de língua portuguesa, através da fusão das influências de c