Boletim Letras 360º #7


Imagem da exposição dedicada a Clarice Lispector em Portugal. Fundação Calouste Gulbenkian.

Sobrevivemos a mais um dia mentira. Não contamos nenhuma; não temos vocação para tanto. Apesar de lidarmos todo santo dia com ficção, o forte que a ficção não é mentira. Perguntamos lá aos amigos na fan page do Letras no Facebook qual teria sido a grande mentira – aquela imperdoável – que eles já presenciaram nesse universo de palavras. Valia um brinde surpresa. Dos poucos que responderam saiu o Tom Ripley, do livro da O talentoso Ripley de Patricia Highsmith – esse é danado, né (?!) – e as mentiras leves de Paulo em “Um caso de poesia”, poema do Carlos Drummond de Andrade, que até fomos à cata e desenhamos um banner com ele e a mentira clássica, Penélope, para salvar-se de perder Ulisses, fia e desfia o enxoval. Do sorteio, essa última foi vencedora e levou para casa autografado um livro de Fred Spada, Arqueologias do olhar. Mas, outra novidade mesmo foi a publicação da nossa nova promoção: está valendo até chegarmos aos 3 mil fan-amigos um exemplar de As raízes que invadiram a casa, romance editado pela Editora Patuá, da Vernaide Wanderley (comentamos já aqui sobre esse livro); a obra também está autografada e foi-nos enviada pela autora desde fevereiro enquanto rolava aquela promoção “Eu leio Leminski”. Bem, vamos saber o que se passou por lá, além disso tudo?

Segunda-feira, 01/04

>>> Estados Unidos: Finalizamos a semana com ele e a ele voltamos para principiá-la: Fernando Pessoa vai a Nova York

Ainda não tão conhecido do público estadunidense – até agora, é Saramago o mais popular por lá, quem está em Nova York terá oportunidade de conhecer algumas nuances da obra de Fernando Pessoa. É que o Museu de Arte Moderna (MoMA) prepara um ciclo comemorativo a acontecer entre os dias 13 e 17 de abril. No evento estão previstas a exibição de O Livro do Desassossego, filme de João Botelho e uma palestra na Poets House, a cargo do tradutor e pessoano Richard Zenith.

>>> Colômbia: Nova coletânea com textos jornalísticos de Gabriel García Márquez chega em 2014

Os primeiros 10 mil exemplares já foram entregues no México no final do ano passado e outros 4 mil vão ser distribuídos este mês na Colômbia, antes do lançamento oficial da obra. De acordo com Jaime Abello Banfi, diretor da Fundação para o Novo Jornalismo Ibero-americano, Gabo jornalista (em livre tradução do espanhol) conta com artigos do escritor que foram selecionados por alguns dos seus amigos. "Não é uma memória, é uma antologia feita por um grupo de pessoas que estão ligadas a ele através da Fundação, que o amam e admiram", explicou Abello. A obra inclui partes do livro Notícia de um sequestro, que relata os sequestros de parentes de políticos colombianos por Pablo Escobar no final dos anos 1980 e o perfil do ex-presidente venezuelano, Hugo Chávez. Este último texto pode ser lido na íntegra através do endereço.

>>> Portugal: Clarice Lispector em Portugal

No ano em que se passam 35 anos sobre a morte de Clarice Lispector, a Fundação Calouste Gulbenkian apresenta a exposição "A hora da Estrela" com textos, fac-símiles, fotografias e documentos pessoais de uma das mais destacadas vozes da literatura brasileira. A exposição integra as comemorações do Ano do Brasil em Portugal. Sob curadoria de Julia Peregrino e Ferreira Gullar, a exposição tem abertura no 5 de abril e segue até o dia 23 de junho.


Terça-feira, 02/04

>>> Brasil: Curitiba quer festa para a poesia 

Um evento anual representativo para a poesia como o Festival de Teatro de Curitiba é para a dramaturgia no país. Eis o plano ambicioso da produtora Abaporu, que teve autorizada a captação de R$ 539 mil via Rouanet. A primeira edição do Festival de Poesia de Curitiba está prevista para outubro, com sete dias de eventos pela cidade. A novidade foi divulgada pela Folha Ilustrada; segundo o caderno, planejam-se debates, leituras, shows, performances em faculdades, “saraokês” (mistura de sarau com karaokê) em bares e declamações de poetas populares nas ruas. “A ideia é não fazer um negócio chato”, resume o poeta e curador Sergio Conti. Alice Ruiz cuidará dos debates, para os quais vêm sendo sondados nomes como Arnaldo Antunes, Mário Bortolotto e Chacal. Falta patrocinador, mas está apalavrado o apoio da Fundação Cultural de Curitiba, importante agente cultural da cidade.

>>> Brasil: O número 3 da Revista Machado de Assis está on-line.

Com textos que evocam a literatura infanto-juvenil de Ana Maria Machado, Stella Maris Rezende, Marcos Bagno, entre outros. Aqui

>>> Brasil: Obra de Augusto Boal será editada pela Cosac Naify

Em nota publicada no jornal Estadão em fins de março confirma-se que a Cosac Naify vai publicar a obra completa do dramaturgo Augusto Boal (1931-2009). O primeiro título que deverá sair já no segundo semestre será um clássico, Teatro do Oprimido e Outras Poéticas Políticas, lançado em 1975 pela Civilização Brasileira. Trata-se da base de sua concepção dramatúrgica, que alia a cena à ação social. Para 2014, estão previstos Jogos para atores e Não Atores (1998), que segue a mesma linha ideológica, e Hamlet e o Filho do Padeiro (2000), sua autobiografia. A reedição será coordenada editorialmente por Milton Ohata, que pretende ressaltar a dimensão internacional do pensamento do dramaturgo carioca por meio da colaboração de teatrólogos estrangeiros. 


Quarta-feira, 03/04

>>> Austrália: Vinte mil léguas submarinas, de Júlio Verne será refilmado

Somam-se pelo menos seis longas-metragens feitos a partir do clássico de Júlio Verne, agora, os estúdios Disney, um dos protagonistas de uma dessas versões, anunciam: vão filmar uma nova versão de Vinte mil léguas submarinas. O filme já tem cenário: a Austrália. A refilmagem do clássico será dirigida por David Fincher, de A rede social e Millennium - Os homens que não amavam as mulheres. Ainda não há informações sobre o elenco, embora o jornal australiano The Daily Telegraph tenha noticiado que os produtores estariam negociando com Brad Pitt, que já trabalhou com Fincher em Clube da luta e Seven – os sete pecados capitais. O diretor estaria interessado em Pitt para o papel do protagonista Ned Land, interpretado por Kirk Douglas na versão passada.

>>> Brasil: Sérgio Almeida pela 1ª vez no Brasil

Em 2008, a Thesaurus Editora apresentou pela primeira vez o escritor Valter Hugo Mãe ao Brasil. Hoje, é um dos portugueses mais quistos entre os leitores brasileiros. Repetindo a aposta, a editora publica no próximo dia 22 de abril a obra inédita do também autor português Sérgio Almeida, intitulada Não Conto, sendo este o segundo autor português a ser editado pela Thesaurus.

>>> Brasil: Aos poucos a obra integral de Benedito Nunes é reeditada – com destaque para uma edição inédita sobre Fernando Pessoa

É Victor Sales Pinheiro o responsável por revigorar os lugares discursivos em torno de Benedito Nunes. Já se publicou Ensaios Filosóficos e Heidegger; na vertente literária, o livro agora vindo à luz é A Rosa o que é de Rosa, reunindo tudo o que o autor escreveu sobre o romancista mineiro Guimarães Rosa, entre eles o ensaio já conhecido "O Dorso do Tigre". À reunião dos textos rosianos soma-se outros dois livros que acabam de sair, O Tempo da Narrativa, pequeno tratado teórico e didático, publicado sem maiores cerimônias. Concebido com o habitual rigor do erudito, passa em revista as várias modalidades das teorias sobre o tempo na prosa, sem esquecer a fenomenologia e o estruturalismo. O organizador-editor anuncia para breve, a consolidação das reflexões de Benedito sobre Clarice Lispector. A Difel lançará ainda o inédito Fernando Pessoa: poeta metafísico.


Quinta-feira, 04/04

>>> Brasil: Mais detalhes sobre o Encontro Natalense de Escritores

Em matéria publicada no site do jornal Tribuna do Norte foi apresentado novos detalhes acerca do Encontro de Escritores de Natal (ENE). Uma delas é as datas para realização; anotem aí: 5, 6, 7 e 8 de novembro. A programação deste ano englobará também o Encontro de Escritores de Língua Portuguesa (EELP), que teve três edições entre 2010 e 2012. Os dois eventos estarão reunidos sob o nome Festival Literário de Natal, que aposta em novas linguagens e ideias literárias do Brasil e de outros países de língua portuguesa. Atividades culturais paralelas, como mostra de cinema, atrações musicais e feira gastronômica estão nos planos. Os jornalistas Zuenir Ventura e Woden Madruga integram a assessoria na escalação dos convidados. Embora alguns nomes tenham sido divulgados no início de março a matéria da Tribuna atesta que nenhum nome ainda foi chamado para a edição. Pela ocasião passada notificamos por aqui contas de que João Paulo Cuenca e Tatiana Salem Levy eram nomes já confirmados.

>>> Brasil: Divulgada as datas para o Festival Varilux de Cinema Francês 2013.

Os moradores de 45 cidades brasileiras e que são apaixonadas por cinema de qualidade já podem ir engordando seus porquinhos. Foi divulgado as datas para a edição 2013 do Festival Varilux de Cinema Francês. Será de 1 a 16 de Maio. Por enquanto é isso, somente.

>>> Brasil: Editora Bateia recebe originais

A Editora Bateia recebe originais inéditos de contos e romances até o dia 31 de julho de 2013. O projeto “Originais na Bateia” busca abrir as portas da editora criada em 2012 para a literatura brasileira. Os originais não precisarão vir com pseudônimo e devem ser enviados em PDF pelo e-mail: originaisnabateia@gmail.com. A publicação dos livros será em 2014 e seguirá a mesma linha da edição de autores estrangeiros: um mesmo projeto gráfico interno e externo para todos os livros. Até o momento a Bateia firmou seis contratos de edição com autores estrangeiros: Nostalgia, do romeno Mircea Cartarescu; Carta, do norueguês Tomas Espedal; Caireles, do argentino Alfredo Fonticelli; O boxeador polonês, do guatemalteco Eduardo Halfon e Um ano, de Juan Emar e Lendo Vila-Matas de Gonzalo Maier (estes dois últimos são chilenos). Destes, cinco estão em fase de tradução. A editora informa também que assinou contrato para livros inéditos de ficção com o mexicano Juan Pablo Villalobos e com o sueco Fredrik Ekelund. Os livros serão lançados por ocasião da Copa do Mundo no Brasil. As informações são do Jornal Rascunho.


Sexta-feira, 05/04

>>> Rio de Janeiro: Segue até o dia 15 de junho as inscrições para o Prêmio Jabuti 2013 – o regulamento foi modificado pensando em não repetir a gafe de 2012

Editores, autores, ilustradores, tradutores, capistas e designers brasileiros já podem concorrer ao mais tradicional prêmio literário do País, o 55º Prêmio Jabuti. As inscrições estão abertas, e podem ser feitas pelo site <aqui> até o dia 15 de junho. Os laureados em todas as categorias que compõem o prêmio receberão, além do troféu Jabuti, um prêmio de R$ 3,5 mil. Já os vencedores do Livro do Ano - Ficção e Livro do Ano - Não Ficção concorrerão, cada um, a R$ 35 mil.

>>> Portugal: Millôr em Portugal

Como parte da programação do Ano Portugal/Brasil-Brasil/Portugal, acontece na Fundação Mário Soares a exposição "Millôr" que faz um tributo a multiartista brasileiro Millôr Fernandes. São 60 trabalhos do autor que integra a mostra; tudo inicia no próximo dia 9 de abril e segue até ao dia 30 de maio e com entrada gratuita.

>>> Alemanha: O grande ano para os Irmãos Grimm

O marco de 2013 – ainda em torno do bicentenário da primeira publicação de Contos maravilhosos infantis e domésticos é exposição Grimm Expedition (que entra em cartaz dia 27 de abril e vai até 8 de setembro no Documenta Hall de Kassel, Alemanha). A exposição traça um panorama exaustivo da vida e da obra dos irmãos Grimm, que busca iluminar todas as facetas dos autores. Um dos livros mais lidos em todo o mundo (no Brasil, a Cosac Naify dispôs uma edição completa, enfim), Contos Maravilhosos Infantis e Domésticos tem algumas das histórias mais conhecidas e visitadas pela literatura.

..........................
Sigam o Letras no FacebookTwitterTumblrGoogle+



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Uma pedra no caminho para a modernidade: o projeto drummondiano de humanizar o Brasil

Os melhores diários de escritores

A partir de quando alguém que escreve se converte num escritor?

Escritos nas margens

A relevância atual de Memórias do cárcere, de Graciliano Ramos

Cecília Meireles: transcendência, musicalidade e transparência

José Saramago e Jorge Amado. A arte da amizade

História da menina perdida, de Elena Ferrante

O túmulo de Oscar Wilde

Angela Carter, a primazia de subverter