Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 20, 2015

Raduan Nassar: apresentação de um escritor entre tradição e pós-modernidade

Imagem
   Por Maria José Cardoso Lemos Descrever a trajetória de Raduan Nassar é uma tarefa perigosa, pois ele embaralha seus rastros, quer pelo silêncio, quer pela repetição constante de suas respostas, respostas sempre pouco esclarecedoras, como que a evitar uma autorreflexão sobre sua obra. Alguns, irritados com sua postura, pensam até tratar-se de uma estratégia de marketing desse ator / autor que interage com sua pequena obra-prima na sua recepção atual, obra que, parcimoniosamente, vem retornando sempre ao cenário cultural por meio de novas publicações, traduções e adaptações cinematográficas. Raduan Nassar é filho de imigrantes libaneses que chegaram ao Brasil em 1920, se instalando em Pindorama, no norte do Estado de São Paulo. Nascido em 1935, vinte anos depois mudou-se para São Paulo, onde se formou em Filosofia. Em 1967, fundou com seus irmãos o Jornal de Bairro , um semanário que chegou a atingir a tiragem de 160 mil exemplares. Nassar publicou, em 1975,