Postagens

Mostrando postagens de Agosto 13, 2019

Controle, de Natalia Borges Polesso

Imagem
Por Amanda Lins



Natalia Borges Polesso recebeu o prêmio Açorianos 2013, na categoria contos, com seu primeiro livro, Recortes para álbum de fotografia sem gente. Amora, seu segundo trabalho, lançado em 2016, foi vencedor do prêmio Jabuti e novamente do prêmio Açorianos, ambos na categoria contos – também recebeu o prêmio Jabuti na categoria “escolha do leitor”, neste mesmo ano.
Agora, em 2019, a Companhia das Letras publica o seu primeiro romance – Controle. Maria Fernanda, a protagonista da história, se arrebenta numa queda de bicicleta. O leitor se arrebenta ainda mais, do começo ao fim, porque o livro trata, com a leveza característica da narrativa da autora, sobre vários dilemas existenciais que se seguem à queda. E, aqui, nem falo sobre o diagnóstico de epilepsia, porque não é apenas isso. Aliás, na escrita de Natalia, nunca é apenas isso.
“A música mastigada na fita it’s a strange day and the people around me o mofo e uma colônia de bactérias, ouvi a voz da professora na aula de …