Postagens

Mostrando postagens de Abril 1, 2020

A viúva, de Pierre Granier-Deferre

Imagem
Por Maria Louzada Simone Signoret tinha 50 anos na época. Alain Delon estava com 36. Duas lendas do cinema francês se encontram em La Veuve Couderc , de 1971, filme baseado em livro de uma lenda literária: Georges Simenon. Simone vinha de outro sucesso,  também  baseado em Simenon, Le chat , ao lado de Jean Gabin, dirigida pelo mesmo Pierre Granier-Deferre deste aqui. La Veuve Couderc  foi escrito por Georges Simenon, aos 35 anos, em abril de 1940. Outro famoso escritor, o francês Andre Gide, considerava este livro de Simenon como o “ápice da arte”; achava que possuía semelhança com: L’étranger (O estrangeiro), de Albert Camus (publicado em 1942). Um canal, barcaças, uma ponte levadiça, um rio com altas e velhas casas de cada lado contracenam com Alain Delon e Simone Signoret. Ela é uma mulher do campo, amadurecida pela vida e sofrimentos passados, amarga, cabelos grisalhos à vista e um corpo longe dos dias de sua juventude. Mas ainda desejável a ponto de atrair