Postagens

Mostrando postagens de Abril 29, 2020

Joseph Roth, o patriota dos hotéis

Imagem
Por Antonio Muñoz Molina


Durante a maior parte de sua vida adulta, Joseph Roth viveu em hotéis e escreveu nos jornais. A vida no hotel é equivalente em sua provisoriedade da escrita no jornal. Você mora no hotel por alguns dias ou semanas e não tem mais bagagem do que aquilo que cabe em uma mala. O que está escrito para o jornal é feito com bastante rapidez, por períodos tão curtos quanto a permanência no hotel, e uma vez publicado, deixa de existir imediatamente.
Morando em hotéis nas cidades europeias durante a segunda metade de sua vida, Joseph Roth tinha uma sensação contínua de precariedade que se aprofundava com a pobreza e com a crescente proximidade de uma catástrofe que ele havia sido um dos primeiros a prever. No início dos anos 1920, em um artigo sobre um balneário para turistas no Báltico, ele já notou as bandeiras com suásticas que começavam a tremular sobre as vilas e os passeios marítimos.
Escrevendo nos jornais, peça por peça, com as urgências e sobressaltos habituai…