Lygia Fagundes Telles na tela


Aproveitando o aniversário de 88 anos de Lygia Fagundes Telles e a programação especial elaborada por ocasião da data pela Cinemateca Brasileira (Largo Senador Raul Cardoso, 207 – Vila Mariana. São Paulo/SP) fica a seguir a dica (para nós que estamos tão longe de Sampa) de filmes baseados ou inspirados na obra da escritora. Alguns nunca entraram em cartaz, mas podem ser adquiridos (não sem muita birra certamente) junto à Cinemateca.

Cena de Capitu, filme baseado no romance de Lygia Fagundes Telles. Em destaque Othon Bastos no papel de Bento. 

Jogo da memória (1992) - curta inspirado no romance Verão no aquário, produzido sob direção de Denise Vieira Pinto. Trata-se de um filme cujo enredo é um jogo onde se misturam o passado e o presente: à medida que Tio Samuel toca nas fotos, elas tornam-se realidade para Raíza.

Contos de Lygia e Morte (1999) - longa em episódios sob direção de Luciana Solim; é uma adaptação de três contos da escritora, interligados pelo tema da morte e publicados nos livros A Estrutura da Bolha de Sabão e Antes do Baile Verde. Os dois primeiros, "Venha Ver o Pôr-do-sol" e "A Caçada", são adaptados dos contos de mesmo nome. O terceiro, "A Fuga", faz a síntese de "Os Objetos de Fuga". O primeiro episódio aborda um triângulo amoroso. Vivendo com Edgar, um policial violento, Vânia mantém um romance com Ricardo. Ela decide romper a relação adúltera, mas Ricardo não aceita. Rejeitado e desesperado, o amante deixa uma mensagem e por pouco não mata a moça. Ela cede à pressão do ex-amante e aceita o pedido dele para um encontro num cemitério. O segundo episódio fala de um roteirista que escreve uma história que desagrada a um diretor. Antes cético, ele passa a acreditar que teve vidas passadas e encontra uma delas num antigo quadro, representando uma caçada. No último episódio, um homem com câncer terminal acusa a mulher de desejar sua morte para ficar livre e casar-se com outro.

As meninas (1996) - longa do diretor Emiliano Ribeiro baseado no romance As meninas. O enredo gira em torno da história de três adolescentes - Lorena, Lia e Ana Clara - que vivem num pensionato de freiras, na São Paulo de 1971. Apesar de cada uma ter uma trajetória própria, suas vidas são marcadas pela realidade política e social do país: era tempo de Ditadura militar, da oposição armada ao regime e de muita repressão. A faculdade está em greve, e as três meninas são as únicas pensionistas que não foram para casa. Lorena é filha de uma típica família paulista quatrocentona. Sempre rica, mas vive atormentada por seus dramas pessoais. O pai morreu cedo e a mãe, excessivamente egocêntrica, tenta uma segundo casamento com um mau-caráter, do qual não consegue se afastar. Lia, inteligente e politizada, participa do movimento estudantil. Seu namorado, Miguel, está preso por lutar contra o regime. E Ana Clara, a mais frágil das três, viveu uma infância pobre e foi deflorada ainda adolescente numa cadeira de dentista. Sonha em enriquecer rapidamente através de uma bem encaminhada carreira de modelo fotográfico, ou - melhor - de uma casamento com um milionário imaginário. É linda, mas está muito envolvida com as drogas, que lhe arrasam a beleza e prejudicam sua carreira. Alternando presente e passado, o filme mergulha nas inquietações, cumplicidade e diferenças das três meninas, em sua passagem da adolescência para a vida adulta.

Capitu (1968) - Longa baseado no livro homônimo de Lygia e sob direção de Paulo César Saraceni. O filme é premiadíssimo com títulos como os de Melhor ator coadjuvante para Raul Cortez, Melhor roteiro e Melhor cenografia no Festival de Brasília e o Prêmio do Instituto Nacional do Livro por Melhor filme baseado em obra literária. O enredo gira em torno do relacionamento entre o triângulo Capitu-Bento-Escobar. A amizade Capitu com Escobar engendra em Bento a dúvida sobre a fidelidade de ambos. O ciúme corrói dia-a-dia o temperamento de Bento, transformando sua personalidade e o mundo a sua volta.

As três mortes de Solano (1976) - Longa baseado no conto "A caçada". A trama do filme desenvolve-se a partir de dois personagens sobre os quais a tapeçaria, representando uma caçada, exerce enorme fascínio, apresentando três situações diferentes: a primeira, desenrola-se num clima fantástico, quando Solano descobre a 'caça' penetrando na tapeçaria e vindo a morrer. A segunda retoma a história em forma de ensaio de teatro, cujo o clima é o fantástico do 'caçador' e da 'caça' revelando outros personagens. A terceira situação acontece num circo, onde os personagens se encontram num ensaio. O palhaço tenta vender a tapeçaria à cigana, mostrando inclusive os seus poderes mágicos. Ao cair no bosque, que é centro do picadeiro,o palhaço encontra-se novamente com o 'caçador'. O filme tem direção de Roberto Santos.

O noivo (1976) - Curta baseado num conto homônimo de Lygia, sob direção de John Herbert. Ao ser acordado para se vestir para o casamento, o noivo não consegue lembrar-se da noiva. Relembra as últimas namoradas mas, a caminho da igreja, a incógnita persiste.

Formigas (2004) - Curta baseado no conto "As formigas". O enredo do filme é a história de duas universitárias que ganham da dona da pensão onde moram uma caixa contendo os ossos de um anão. Nas noites seguintes, milhares de formigas passam a montar o esqueleto do anão. A direção é de Verônica Guedes.

O menino (1978) - Curta baseado num conto homônimo de Lygia, sob direção de Luis Fernando Sampaio. O filme, num sentido amplo, trata de uma família de baixa classe média constituída pelos pais e pela criança. Como o título anuncia, entretanto, a ação é concentrada no menino, através de quem a estória é apresentada. As relações do casal são vistas através do prisma infantil e culminam com a descoberta do menino de uma ligação amorosa da mãe, durante uma sessão de cinema.

* Os dados aqui tratados estão disponíveis no site Cinemateca Brasileira.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

20 + 1 livros de contos da literatura brasileira indispensáveis

Carolina Maria de Jesus, a escritora que catava papel numa favela

José Saramago e As intermitências da morte

Visões de Joseph Conrad

Cecília Meireles: transcendência, musicalidade e transparência

Sor Juana Inés de la Cruz, expoente literário e educativo do Século de Ouro espanhol

Ensaios para a queda, de Fernanda Fatureto

A melhor maneira de conhecer o ser humano é viajar a Marte (com Ray Bradbury)

Não adianta morrer, de Francisco Maciel

Os diários de Sylvia Plath