Postagens

Mostrando postagens de Maio 7, 2008

Lygia Fagundes Telles e sua Ciranda de Pedra

Imagem
Aproveitando a deixa de que a Globo esta semana começou a reexibir a novela Ciranda de Pedra  para falar um pouco sobre a autora Lygia Fagundes Telles, bem como sua produção literária. Aproveito também para criticar certa displicência da emissora por somente semanas depois que já propagandeava o nome da nova novela dizer que se baseava na obra da escritora. De sua escrita Lygia Fagundes Telles comenta que o que lhe motiva é ir "no âmago do âmago até atingir a semente resguardada no lá fundo como um feto". Ela nasceu em abril de 1923 em São Paulo e em 1938, custeada pelo pai, publica seu primeiro livro,  Porão e Sobrado , uma coletânea de contos recebida com aguada e agudas críticas no seu tempo. Certa consciência crítica do seu próprio trabalho, nascida do rigor com o qual ficou reconhecida, levou a própria escritora a excluir esse título do conjunto das suas obras completas. Matricula-se no curso de Direito em 1941 e de então passa a freqüentar as rodas literárias