Postagens

Mostrando postagens de Setembro 6, 2021

Um mistério chamado Carmen Laforet

Imagem
Por Anna Caballé Carmen Laforet. Arquivo do Estado Espanhol. Carmen Laforet, outra vez. Este é o ano do centenário de seu nascimento, ocorrido no dia 6 de setembro, em Barcelona, ​​em um apartamento da rua Aribau para o qual voltaria ainda jovem, fugindo de uma experiência familiar incômoda e que ficaria famosa depois de Nada . Seu pai, Eduardo Laforet, um arquiteto atraente e sedutor, casou-se poucos meses depois de ficar viúvo de Teodora Díaz, mãe dos três filhos do casal, e a situação em Las Palmas, onde a família vivia desde 1923, se tornou notável porque era um homem muito conhecido na cidade. No entanto, o ciúme e a tensão entre a nova esposa e os filhos ainda muito pequenos de Teodora fizeram essa nova aventura conjugal uma experiência difícil.   Jean-Paul Sartre escreveu sobre a falta de amor de Flaubert na infância: “Quando o amor está presente, a massa do espírito se eleva e, quando está ausente, ela afunda”. Foi o que aconteceu, pelo menos em parte, na família Laforet, e a p