Postagens

Mostrando postagens de Agosto 2, 2021

O telescópio invertido — J. G. Ballard

Imagem
Por Mauricio Montiel Figueiras J. G. Ballard. Foto: John Lawrence.   Em 1949, enquanto autores de ficção científica como Ray Bradbury — que na época escreveu suas fabulosas Crônicas marcianas (1950) — desviaram o olhar de um planeta marcado pelas cicatrizes da guerra e se voltam para o espaço sideral em busca de civilizações menos partidárias da autodestruição. O estudante de medicina James Graham Ballard, de dezenove anos, conduz um curioso experimento na sala de dissecação do King’s College, uma das atrações do “parque temático acadêmico” chamado Cambridge.   Numa “estranha sala de teto baixo, a meio caminho entre uma boate e um matadouro”, acompanhada pela memória do coelho que esfolou e cozinhou no final de sua estada de três anos na Leys School — o internato que entre 1923 e 1927 deu as boas-vindas a Malcolm Lowry, outro grande iconoclasta da literatura —, o jovem Ballard aproveita suas aulas de anatomia para começar a construir um telescópio mental com o qual focalizará não as