Carlos Drummond de Andrade, o tradutor




Outro dia comentamos neste blog que a editora Cosac Naify iria trazer a lume uma face um tanto quanto inédita do poeta de (mais de) sete faces. Pois bem, saiu em nota no blog da editora a chamada de lançamento de Poesia traduzida contendo poemas de diversos poetas traduzidos pelo poeta maior.

Júlio Castañon Guimarães, que é o organizador da obra, conta que, ainda na década de 1950, o próprio Carlos Drummond de Andrade havia chegado a pensar em reunir suas traduções de poesia numa edição em livro, mas, o que, sabemos, não aconteceu. Sabemos também que seu trabalho como tradutor é notório. O poeta traduziu vários livros de prosa, teatro e, conta Júlio, até um livro sobre pássaros.

Segundo o organizador da edição, o trabalho de reunir as traduções dos poemas foi uma iniciativa de Augusto Massi. E os dois entraram nessa empreitada à cata dos materiais em jornais e revistas, veículos onde Drummond publicava assiduamente, como o Diário Carioca, Correio da manhã, Revista Acadêmica, entre outros. O resultado é agora esse volume com 64 textos apresentados no âmbito de uma bela coleção de poesia editada pela Cosac Naify, a mesma que já editou antologias caprichadas, de poetas como Adília Lopes e Francisco Alvim, "Ás de colete".

Na obra, estão versões do francês, do espanhol e do inglês, localizados em originais a partir de indicações do arquivo de Drummond depositado na Fundação Casa de Rui Barbosa, no Rio de Janeiro, e de especialistas na obra do poeta; são poemas de poetas como Apollinaire, Bertolt Brecht, Paul Claudel, Paul Éluard, Federico García Lorca, Paul Morand, Jacques Prévert, entre outros. Além disso, a obra preserva, no final do volume, as notas e explicações para os poemas feitas pelo próprio Drummond que, nos originais, acompanhavam os textos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cortázar forasteiro

Dez poetas necessários da nova literatura brasileira

Os segredos da Senhora Wilde

Coral, de Sophia de Mello Breyner Andresen

Cortázar de A a Z

O que é a Literatura?, de Jean-Paul Sartre

Dez mulheres da literatura brasileira contemporânea