Postagens

Mostrando postagens de Março 9, 2009

Quinze mulheres da literatura brasileira

Imagem
Rachel de Queirós, a primeira mulher a fazer parte da Academia Brasileira de Letras. O fato de o calendário dispor de uma data para lembrar das mulheres não é à toa. Num mundo modelado à imagem e semelhança dos homens, em que elas tiveram de vencer (e ainda têm) cada um dos empecilhos sociais a elas impostos, um 8 de março é mais que uma conquista à memória das que pereceram na luta; é um convite à reflexão sobre o quanto a humanidade foi mesquinha nessa querela de tornar díspar a relação entre um membros de grupo em que, por mais diverso e heterogêneo que seja (culturalmente, biologicamente) são alinhados às mesmas qualidades: humanos.  O universo da literatura é apenas uma das esferas onde elas tiveram de galgar espaço. Basta lembrar que já houve um tempo que foi negado a alfabetização às mulheres e escrever era coisa de homem; algumas desafiaram essas limitações e ousaram escrever com nomes masculinos e publicaram à surdina, outras não, quiseram dizer ao mundo que mulher,