Postagens

Mostrando postagens de Novembro 15, 2019

Coringa e o olhar sobre o que não queremos ver

Imagem
Por Rafael Kafka


Coringa é daqueles filmes necessários de se chegar ao mainstream que esperemos não seja esquecido em suas provocações centrais. Como obra de arte, não devemos cobrar do longa de Todd Phillips uma mensagem pronta, acabada e muito menos otimista para ser entregue ao público, por mais que seja isso o esperado de boa parte da indústria hollywoodiana. Coringa é uma interessante reflexão fílmica de nossos tempos e por isso merece demais nossos olhares e nossos pensamentos.
Mais do que um nascimento de uma personagem específica, o vilão do universo DC, o que o filme transmite para o telespectador é como a convulsão social que são nossos tempos pode deixar qualquer um louco a ponto de surtar. Quando o surto ocorre, vem outro dilema bastante ambíguo: seria o surto uma reação anormal ou uma forma de agir racional diante de um universo perturbador? Arthur Fleck em dado momento decide fazer de sua loucura trágica uma comédia e fazer da existência um universo surrealista no qual o …