Boletim Letras 360º #292


Está disponível a edição do Boletim Letras 360º desta semana. Aproveitamos a ocasião para lembrá-los que as inscrições para a promoção que sorteia uma edição de J.R.R. Tolkien: uma biografia, de Humphrey Carpenter continuam a valer até o dia 22 de outubro. Mais detalhes, aqui.

Uma edição reunirá todos os contos de Lygia Fagundes Telles. Mais detalhes ao longo deste Boletim.


Segunda-feira, 08/10

>>> Brasil: Uma antologia que reúne a prosa curta de Fernando Pessoa

Pela primeira vez no Brasil é publicada uma antologia dedicada apenas às narrativas curtas de Fernando Pessoa. O aclamado poeta de tantas faces mostra aqui que sua excelência não se resume apenas aos versos. O banqueiro anarquista e outros contos escolhidos traz 24 textos, 21 de sua autoria, o primeiro deles escrito originalmente em inglês, e três traduções. Nesta obra o leitor vai encontrar vários inéditos, ao menos entre nós, além de uma apresentação aguda e detalhada do pesquisador Alexei Bueno. A edição é da Nova Fronteira para a coleção Clássicos de Ouro.

>>> Brasil: As traduções de Fernando Pessoa e‎ Machado de Assis para O corvo, Edgar Allan Poe

"A morte de uma mulher bela é, sem sombra de dúvida, o tema mais poético do mundo." Assim Edgar Allan Poe justificaria a gênese de O corvo, poema publicado sob pseudônimo originalmente em 1845. Mas o que faz com que esses versos hipnotizantes sobre perda e desejo, escritos de modo tão calculado pelo mestre do terror há quase dois séculos, tenham merecido tantos elogios e tamanha controvérsia? Nesta edição que sai pela Companhia das Letras, o leitor vai conhecer as traduções mais notáveis de O corvo para a nossa língua — as de Fernando Pessoa e Machado de Assis —, analisadas pelo poeta, tradutor e professor Paulo Henriques Britto, que também traduz três textos fundamentais de Poe sobre poesia ("A filosofia da composição", "A razão do verso" e "O princípio poético") e examina a faceta ensaística do escritor.

Terça-feira, 09/10

>>> Brasil: A nova edição de As palavras, de Jean-Paul Sartre

Jean-Paul Sartre foi um dos mais importantes escritores e filósofos do século XX, poucos intelectuais na História ousaram tanto e deixaram obra tão eclética. Em 1964, o pensador francês revolucionou o memorialismo ao lançar As palavras. Neste registro autobiográfico, único em sua carreira, ao mesmo tempo que revisita sua infância, com lucidez e rigor, o que interessa ao filósofo é desvendar as raízes de sua vocação de escritor e descobrir o sentido moral e social de seu ofício. Um dos maiores sucessos literários de Sartre, As palavras expõe com maestria o retrato de um homem e sua época. Esta edição é prefaciada por Fabio Caprio Leite de Castro, doutor em filosofia e professor da PUCRS.

Quarta-feira, 10/10

>>> Brasil: Uma nova editora dedicada a publicar dramaturgia contemporânea

De Florence Curimbaba, a Temporal estreia no fim do mês com o livro Rasga coração, última peça de Oduvaldo Vianna Filho, finalizada em 1974 e censurada até 1979. O volume traz um dossiê de pesquisa feito pelo autor, textos da organizadora Maria Sílvia Betti, fichas técnicas das apresentações, prólogo inédito do autor e fotos.

>>> Brasil: Os diários inéditos de José Saramago saem aqui em dezembro

Em 2018 passam-se os 20 anos da entrega do Prêmio Nobel de Literatura ao escritor português e foi publicado o último volume dos seus Cadernos de Lanzarote. O livro que corresponde ao diário de 1998 será apresentado no mês de dezembro no Brasil. Saramago havia feito referência à existência do manuscrito em 2001, na apresentação do quinto volume dos Cadernos em Madrid. Previa que conseguiria ter o texto pronto para publicação até à primavera de 2002. "Para que não se diga que, precisamente no ano em que me aconteceu algo que mereceria ser contado, eu não o fiz". No entanto, devido ao excesso de compromissos e à posterior publicação de outros títulos, o projeto terminou adiado. Por aqui, o livro sai pela Companhia das Letras.

Quinta-feira, 11/10

>>> Brasil: Reedição de Odisseia e publicação de Ilíada

Dois dos maiores clássicos da literatura ocidental juntos numa caixa. As edições da Ubu das duas grandes obras atribuídas a Homero têm tradução em verso direto do grego pelo professor livre docente em literatura grega Christian Werner. Nos livros, textos completares de excelência: uma apresentação à Odisseia pelo homerista americano Richard Martin, um posfácio à Odisseia do escritor e professor de filosofia Luiz Alfredo Garcia-Roza, o texto "O silêncio das sereias", de Franz Kafka, um poema de Konstantinos Kaváfis e um glossário de nomes próprios presentes na Odisseia, além de uma introdução a cada volume pelo tradutor. A tradução é de Christian Werner e sai do espólio da extinta Cosac Naify que só havia publicado o volume de Odisseia.

Sexta-feira, 12/10

>>> Brasil: Edição reúne todos os contos de Lygia Fagundes Telles

Ela é considerada pela crítica uma das maiores escritoras brasileiras e, sobretudo, uma contista extraordinária. Pela primeira vez, o leitor tem acesso à mais completa antologia de contos da autora, em uma edição especial que inclui, além de suas principais coletâneas, diversos escritos esparsos, há tempos fora de catálogo. Dos primeiros contos, concebidos na juventude, até sua produção mais madura, Lygia exibe sua maestria na narrativa curta, sempre com sensibilidade e sutileza, em textos impecáveis.

.........................
Sigam o Letras no FacebookTwitterTumblrGoogle+InstagramFlipboard


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os segredos da Senhora Wilde

O anel do general, de Selma Lagerlöf

Lydia, de Pedro Belo Clara

“Por favor, ajuda-me, meu bom Deus, a ser uma boa escritora”

Uma mulher fantástica, de Sebástian Lelio

José Saramago, o ano de 1998

Sobre bolhas sociais e debates políticos em redes sociais

O pensamento político de Fernando Pessoa

Madame Bovary: erotismo e sensualidade