A Biblioteca Nacional de Portugal e o empréstimo de e-books



Saíram à frente. E a ideia é ótima. Principalmente aos leitores necessitados ou ávidos por literatura portuguesa. É que agora, a Biblioteca Nacional de Portugal, passa a oferecer, por meio de venda ou empréstimo, e-books. O catálogo ainda é curto e os títulos muito se resumem a historiografia. Mas a ideia, repito, fabular.

Acesse aqui.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os mistérios de “Impressão, nascer do sol”, de Claude Monet

Boletim Letras 360º #422

As palavras interditas, de Eugénio de Andrade

Jerusalém, de Gonçalo M. Tavares

Aquela água toda, de João Anzanello Carrascoza

O amor nos tempos do cólera, de Gabriel García Márquez