O inédito de Márcio de Lima Dantas


Por Pedro Fernandes


No último dia 30, foi lançado na web, através do Selo Letras in.verso e re.verso e encartado à terceira edição do caderno-revista 7faces, o inédito xerófilo, do poeta potiguar Márcio de Lima Dantas. Por ocasião redigi um texto que tem vistas a duas coisas – uma, dar a conhecer o poeta, outra, dar a conhecer a obra em lançamento. É, pois, um texto de apresentações.

Este mesmo texto foi veiculado no caderno “Expressão”, do jornal Gazeta do Oeste. Por lá, saiu com título diferente. Ao invés de “O inédito de Márcio de Lima Dantas” saiu com “Trabalho poético”. E saiu ainda com cortes, dada as limitações de espaço – mal do qual padecem os bons e os ruins jornais. Pela ocasião, apresento o texto tal qual foi entregue para a redação do jornal. Pode ser lido aqui.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sophia de Mello Breyner Andresen e João Cabral de Melo Neto, convívios pela poesia

Os mistérios de “Impressão, nascer do sol”, de Claude Monet

Andorinha, andorinha, de Manuel Bandeira

Boletim Letras 360º #423

Aquela água toda, de João Anzanello Carrascoza

O amor nos tempos do cólera, de Gabriel García Márquez